A PHP Error was encountered

Severity: Notice

Message: Only variable references should be returned by reference

Filename: core/Common.php

Line Number: 257

A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: session_start(): Cannot send session cookie - headers already sent by (output started at /nfs/c06/h04/mnt/185637/domains/memoriasdocomerciosp.museudapessoa.net/html/system/core/Exceptions.php:185)

Filename: controllers/home.php

Line Number: 3

A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /nfs/c06/h04/mnt/185637/domains/memoriasdocomerciosp.museudapessoa.net/html/system/core/Exceptions.php:185)

Filename: controllers/home.php

Line Number: 3

A PHP Error was encountered

Severity: Warning

Message: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /nfs/c06/h04/mnt/185637/domains/memoriasdocomerciosp.museudapessoa.net/html/system/core/Exceptions.php:185)

Filename: libraries/Session.php

Line Number: 675

Museu da Pessoa

São Paulo

1994 a 1995

Entre o final de 1994 e início de 1995, realizou-se a primeira etapa do projeto. Foram percorridos muitos locais e ruas de um centro expandido da cidade de São Paulo, que à época contava com cerca de 15 milhões de habitantes. As histórias registradas de comerciantes e de comerciários nessa época retratavam uma capital cujas mudanças mais radicais ainda estavam para acontecer.

Nessa etapa, buscou-se entender como se organizava a atividade comercial e toda a sua riqueza. Uma pergunta-síntese era o ponto central: como era a vida do outro lado do balcão? Para isso, optou-se pelo registro de narrativas não só de trajetórias de grande sucesso, mas também as narrativas dos anônimos, dos pequenos comerciantes que ilustram o cotidiano de grande parte da população paulistana. Esse conceito permeou todos os módulos posteriores.

Para chegar a esse universo restrito, porém representativo de 61 narrativas, foram elencados critérios, tais como ramos de atividade (o que se vende) e modalidade de comércio (como se vende), bem como em qual espaço geográfico a troca comercial se realiza, além das práticas inovadoras e pioneiras. Isso equivale a dizer que ruas como a 25 de Março, José Paulino, Augusta, Florêncio de Abreu, Teodoro Sampaio ou João Cachoeira e locais como Ceagesp, Shopping Center Iguatemi e Mercado Municipal foram considerados pontos-chave para o projeto. O novo ao lado do antigo; o tradicional ao lado da inovação; o varejo frente ao atacado; a caderneta, o cheque e o cartão de crédito. Em São Paulo, um elemento diferenciador dessa etapa foi a busca de imigrantes que, para “fazer a América”, escolheram ou foram escolhidos pela atividade comercial.

Esta etapa, patrocinada pelo Fcesp, Sesc, Senac e Sebrae teve como produtos vídeo, livro, exposição e um inédito CD-ROM. Por que inédito? Porque em 1994, nem a internet brasileira era uma realidade. Ela seria disponibilizada para o grande público somente em 1995. Portanto, esse primeiro módulo do Projeto Memórias do Comércio, que recebeu simplesmente esse título, ocorreu no limiar da revolução digital, quando ainda era latente o chamado comércio virtual, através de chamadas na televisão. Dessa época, quem não se lembra das meias Vivarina e das facas Guinzu?